Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Tecnologia do Blogger.
Seja bem-vindo. Hoje é

terça-feira, 26 de julho de 2011

Em Pirpirituba: Menor de 12 anos confessa que se prostituía por 30,00 reais

prostituição 
O Conselho Tutelar de Pirpirituba, no Brejo paraibano, tomou conhecimento na segunda-feira (25), que uma menor de 12 anos de idade, residente na mesma cidade, estava vendendo o próprio corpo por apenas R$ 30,00 e segundo informações, com o consentimento da própria mãe. Segundo a própria criança, ela se prostituía desde os 11 anos.
O caso só veio a público depois que a menina saiu de casa no sábado (23), pela manhã e só chegou no domingo (24), por volta das 04:00h da manhã.
De acordo com relatos da menor, ela havia saído, no sábado, com um homem desconhecido, com quem tomou cerveja, mas não teve relações sexuais. No Domingo, pela madrugada, dois homens e duas mulheres, também desconhecidos, lhe deram uma carona e a abandonaram na zona rural de Pirpirituba, mais precisamente no Sítio Bené, às 03:30h da manhã. Desesperada, a menor acabou encontrando uma residência onde foi pedir ajuda. Desconfiado e temendo que fosse um assalto, o dono da casa, o senhor José de Arimatéia Lima, 57 anos, não abriu a porta, mas começou a conversar com a mesma. Foi quando ela contou a história e ele decidiu chamar a polícia.
Ainda segundo a menor, ela já saiu várias vezes com um professor da cidade de Pirpirituba, identificado apenas como Marinaldo, mas que nunca teve nada com ele, além de amizade. Ela revelou também que fazia os programas em casas e também dentro do mato.
Uma guarnição da Polícia Militar se deslocou até o local, acompanhada de duas conselheiras tutelares e levou a menina para casa.
A mãe da menor, a senhora Cristiane da Silva que, segundo as informações, era conivente com as atitudes da filha, foi intimada para, ao lado da menina, compareceu ao Conselho Tutelar da cidade, às 16:00h da segunda (25), para prestar depoimento.
No Conselho Tutelar, a senhora Cristiane, mãe da menor, disse que a filha dela costuma sair de casa, sem avisar, e passar dias sem aparecer. Ela disse ainda que não tinha conhecimento que a filha fazia programas, mas em outro momento entrou em contradição e disse que, ao ver o comportamento diferente da filha, perguntou o que estava acontecendo e a menina confessou que não era mais virgem.
Em entrevista ao repórter Zé Roberto, a conselheira identificada apenas como Ana, disse que desde de Abril de 2010, quando o pai de menina se separou da esposa e deixou a casa, o conselho tem recebido várias denuncias de maus tratos e negligência, por parte da mãe da menor. Ana disse também que Cristiane está mentindo, pois a menina confessou que chegava, em casa, com dinheiro e sempre entregava à mãe.
De acordo com a outra conselheira, Patrícia, o Conselho se reunirá para apurar o caso com mais cuidado e depois encaminhá-lo para a justiça.

Juka Martins
Do Portal Mídia

0 comentários:

Postar um comentário

  ©ATITUDE NOTÍCIAS - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo