Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Tecnologia do Blogger.
Seja bem-vindo. Hoje é

quinta-feira, 19 de abril de 2012

A Casa do grande Coronel do "Império que Morreu" em Dona Inês

Casa onde Morava Joaquim Cabral
O Senhor Joaquim Cabral de Melo, foi prefeito do Muncicipio de Dona Inês/PB por dois  mandatos e seu grupo político mandou 32 anos, parecia invencível. O Sr. Joaquim veio da oligarquia dos Bezerras de Bananeiras que era outra oligarquia Coronelista que mandava na Paraíba e tinha muito poder em todos os lugares, do Desembargador ao Padre. Na época os Coroneis mandavam em tudo e o povo vivia sobre o controle do Capatás dos Coroneis (Capatás era uma espécie de soldado do Coronel que fazia todo tipo de mandado do coronel até matar se fosse o caso, e Coronel era o Senhor dono de grandes fazendas) Joaquim Cabral era dono de cerca de 70 % das terras de Dona Inês e cerca de 80 % da população vivia na Zona Rural e dependia de suas terras, uma outra parte era depentente dos serviços da prefeitura que era tido como propriedade dele, ainda tinha uma parte de médio proprietários de terras que eram seus aliados, dessa forma quem desobedecesse qualquer ordem do Coronel levava os "castigos da chibatada", sem ter direito a defesa, pois o próprio Joaquim Cabral era como se fosse Dono da Polícia, dessa maneira ele ia mandando em tudo, nessa época a Paraíba e o Brasil vivia num fim da República e inicio do Governo do Regime Miliatar
 
curral da fazenda de Cabral
O Regime Militar no Brasil foi um período da História política brasileira iniciado com o golpe militar de 31 de março de 1964. O regime pôs em prática vários Atos Institucionais, culminando com o AI-5 de 1968 a suspensão da Constituição de 1946, a dissolução do Congresso Brasileiro, a supressão de liberdades individuais e a criação de um código de processo penal militar que permitiu que o Exército brasileiro e a polícia militar do Brasil pudessem prender e encarcerar pessoas consideradas "suspeitas", além de qualquer revisão judicial.
 
Diante disso o povo era massacrado, porém nunca deixa de luta por dias melhores, até que em 1992 o povo tiro de vez do poder Derrotando o seu filho José Eugênio. Durante o Período Cabral foram prefeitos: Mozart Bezerra, Joaquim Cabral 2 vezes, Antonio Lucas, Luiz José, José Eugênio e Ramon que durou 32 anos, porém quando ele o povo quiz derrotou e acabou com o Regime da Chibata, começando um novo periodo com Luiz José que em 2008 começou a querer tratar o povo na Chibata e foi derrotado por aí se tira a lição quem estiver no poder se achando que pode tratar mau o povo, será derrotado, pois sempre tem alguem que acha dono do poder, esquecendo que o povo é soberano para escolher e julgar seus governantes. 
Prefeitos da Era Cabral
Fernando Lúcio
Com Dona Inês On Line

1 comentários:

marcos disse...

LEMBRO MUITO DESTA EPOCA EM QUE O POVO DE DONA INES VIVIAM SOBRE ESTE REGIME DO CORONELISMO, NAO SINTO SALDADES NENHUMA.

Postar um comentário

  ©ATITUDE NOTÍCIAS - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo