Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Tecnologia do Blogger.
Seja bem-vindo. Hoje é

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

A dança dos partidos, também teve lugar aqui em Dona Inês.

Há quase um ano para as eleições municipais, a dança dos partidos rouba a sena no cenário da mídia nacional, porém em Dona Inês não é diferente.  Aqui também as articulações pegam carona nas entranhas políticas, para encontrar, ou dar abrigo a quem tenha interesse em mudar de partido, ou quem esteja insatisfeito com o grupo ao qual pertence atualmente. Primeiro Elmo deixou o PMDB e fundou o PR- Partido da República, junto com Amaury e Amauri Junior. A vereadora Leda saiu do PSDB de Napoleão, e trouxe Dr. Ramon, Ana Lúcia e Lins do Democrata, todos para o PT, que possivelmente se aliará ao PMDB do ex-prefeito Luiz José, e deverá figurar algum membro desse plantel na chapa majoritária encabeçada pelo Partido do Movimento Democrático. Já o vereador presidente da câmara Herminho dá sustentação ao bloco do PSB, juntamente com Damásio, Seu Valdo, suplente de vereador do PMDB se filiaram ao PSB do prefeito Antonio Justino. João de Nivaldo, que figurou na lista dos que aderiram ao PT, me disse hoje, que a informação não é verdadeira e que se tivesse que mudar de sigla partidária, optaria pelo partido socialista.
Feito isso, resta agora aguardarmos o desenrolar dos fatos a seguir para termos uma melhor visão dos acontecimentos. Como ficarão as chapas majoritárias. A socialista é quase certa que continuará a mesma. Já a das oposições, ainda é incerta. Uns falam em Sérgio Almeida e Ana Lúcia, outros dizem que o ex-prefeito Luiz José poderá ser o candidato. Mais até agora isso não passa de mera especulação. No entanto nesse momento, podemos observar que uma grande mudança no cenário político de nosso município aconteceu. Se voltarmos há um passado recente, para fazer uma análise, jamais imaginaríamos a posição que cada um se encontra hoje. Nas rodas de conversas, muitas opiniões são formadas e expressas pela população a cerca do assunto. Observando, dar pra concluir que parece trágico a situação, se não para um lado, então para o outro. Isso no ponto de vista de algumas pessoas. Particularmente, eu acho que isso não altera em nada a temática política de uma cidade como a nossa, onde todos se conhecem, se encontram se cumprimentam e principalmente: onde todos acabam tendo um parentesco um com o outro. O que eu acho inaceitável nos dias de hoje, não é essa troca de posição que os políticos adotam, e sim a maneira como se conduz as opiniões a cerca do seu oponente. É importante que se tenha coerência quando se pertence a um grupo, para que não der a entender que não se sabe de que lado você está. Mais também é importante que trate o assunto com classe, respeitando seu oponente, afinal o eleitor não tem obrigação de ouvir qualquer coisa que venha na teia e de forma descultural, alcance os vossos ouvidos. Isso sim é preocupante. Quando um grupo se une em prol de um ideal que nele está contido como fator principal o povo... Isso é louvável, não há nada de errado nisso, porém, é bom que se faça isso com classe, respeito, e principalmente com propostas concretas. É isso que faz a diferença e que o povo espera de cada um.



Fernando Maximino
 
clickdonaines.com

0 comentários:

Postar um comentário

  ©ATITUDE NOTÍCIAS - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo