Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Tecnologia do Blogger.
Seja bem-vindo. Hoje é

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Pró-tempores protestam contra demissões em Campina Grande


Manifestação Movimento organizado pela Associação dos Servidores Públicos das Regiões Norte/Nordeste – ASPRENNE, no dia 02/02/2012, foi positivo para os prestadores de serviço e pró-tempores do Estado da Paraíba. O protesto foi em virtude de muitos servidores com mais de cinco anos de serviço prestado ao Estado não receberem os seus salários, como também “a forma deselegante do Governo de substituir os antigos prestadores por novos, via apadrinhamento político”.
Os servidores ocuparam as calçadas da rua da 3ª Regional de Ensino em Campina Grande, no horário da manhã. A manifestação foi pacífica com duração de duas horas de discursos acalorados.
Segundo os servidores presentes à mobilização, os gestores das escolas estão exonerando verbalmente os antigos prestadores com 10, 15, e até 26 anos de trabalho, por novatos e se o servidor antigo quiser continuar na escola que procure um vereador, deputado ou apadrinhado político. Pessoas afastadas para tratamento de saúde e licença maternidade também foram sumariamente exoneradas, pois os nomes não constavam nas relações que estão chegando às escolas, contraditoriamente, mesmo o governo tendo colocado no portal da página do Servidor que todos estão em pleno exercício de suas funções.  Para muitos servidores, na relação que estar chegando às escolas encontram-se pessoas que nunca foram ao trabalho e outros até já falecidos, segundo Gilson Nunes.
Para muitos servidores que usaram a fala no momento do protesto nunca se viu na Paraíba “um estado de desmantelo total, não apenas com o serviço público, mas a forma como o governo tem tratado os servidores como se fosse moeda de troca ou trapos humanos”.
A movimentação foi intensa e os servidores prometeram retornar dia 9 de fevereiro, às 9 horas da manhã, munidos de protetor solar, chapéu, lençol, toalha, apito, panela, vuvuzela e até colchonetes, pois pretendem pernoitar no Hotel Zero Estrela de Ricardo Coutinho, caso os empregos desses servidores não fossem preservados. Abortando a lista do apadrinhamento político, ou seja, o reconhecimento de quem sempre esteve no setor de trabalho.
O professor Gilson Nunes informou que outra manifestação está prevista para acontecer no dia 15 de fevereiro em frente ao Palácio da Redenção, em João Pessoa, e colocará ônibus a disposição dos trabalhadores, os interessados devem ligar para 3321-7362, reservando sua vaga.
Assessoria para o Focando a Notícia

0 comentários:

Postar um comentário

  ©ATITUDE NOTÍCIAS - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo